07.12.2017

Jungheinrich volta a trazer a marca Ameise para o Brasil

Conhecida por sua qualidade e modelos compactos, fabricante volta a apostar na marca e traz alternativa para segmento entry level

São Paulo, Dezembro de 2017 – A Jungheinrich, uma das líderes em soluções intralogísticas e fabricante de produtos de movimentação e armazenagem, volta a comercializar equipamentos com a marca Ameise no Brasil. A estratégia, agora é oferecer transpaleteiras elétricas, empilhadeiras patoladas e à combustão para o segmento entry level, com o respaldo do serviço de pós-vendas premium da Jungheinrich.

Os modelos dos equipamentos são produzidos por um parceiro da Jungheinrich na Ásia sob a supervisão da equipe de engenharia da Alemanha, onde tiveram seu projeto aperfeiçoado e validado para o padrão de qualidade já reconhecido no mercado global. Todos possuem certificação CE e, além disso, estão em conformidade normas regulamentadoras da legislação brasileira.

Com a Ameise, conseguimos chegar a muitos clientes novos que até agora não conseguiram adquirir empilhadeiras Jungheinrich. Por isso integramos a nova linha Ameise no Brasil como parte da estratégia de crescimento global”, explica Vigold Georg, diretor geral da Jungheinrich Brasil.

Novos mercados

A reintrodução da marca Ameise acontece após um novo direcionamento da Jungheinrich, que busca atender também o segmento de pequenas empresas em mercados emergentes.

“Hoje, a Jungheinrich fabrica equipamentos do mais alto nível de qualidade e performance de todo o mercado. A estratégia de retomar a marca Ameise busca justamente preencher essa lacuna para operações simples e esporádicas onde a exigência é o preço acessível, rápida disponibilidade, manutenção simples e atendimento técnico a nível nacional”, diz Rafael Estevez, coordenador de produto da Jungheinrich Brasil.

Na realidade, a marca Ameise é uma velha conhecida do público brasileiro. Lançada no Brasil na década de 50, foi nacionalizada na década de 70 e, no final da década de 80 as máquinas tinham um índice de nacionalização perto de 95%, tornando-se à época a maior fabricante de empilhadeiras elétricas do país. Em 2001, a fábrica brasileira foi vendida e a Jungheinrich voltou a importar o maquinário para o país.

Modelos

Cinco modelos de equipamentos têm previsão de início de comercialização em janeiro de 2018:

Transpaleteira Elétrica CBD 15 – Transporta até 1,5t, possui carregador integrado e bateria 24V/75Ah.

Transpaleteira Elétrica CBD 20 – Transporta até 2t, possui carregador integrado e bateria de 24V/150Ah.

Empilhadeira Elétrica Patolada CDD 10 - 80 - Até 1t de capacidade nominal e mastro mono com elevação até 1950mm. Possui carregador integrado e bateria de 24V/85Ah.

Empilhadeira Elétrica Patolada CDD 10 – 70 - Até 1t de capacidade nominal, conta com mastro duplex até 3300mm. Possui carregador integrado e bateria de 24V/85Ah.

Empilhadeira CPYD 25 / CPYD 30 – Movida à GLP (gás liquefeito de petróleo) e oferece versões de capacidades de 2,5t e 3,t com elevação até 4700m.

 

Sobre a Jungheinrich

A Jungheinrich é um dos líderes globais em soluções para armazenagem, gestão de armazenagem e fluxo de materiais. A empresa é, hoje, uma das mais inovadoras, oferecendo a seus clientes consultoria e soluções de intralogística com um abrangente portfólio de empilhadeiras e sistemas automatizados de armazenagem. A Jungheinrich é uma empresa de capital aberto, e tem suas ações negociadas na bolsa alemã.

 

 

 

 

Entre em contato

Você quer saber mais sobre a Jungheinrich Empilhadeiras, seus produtos e serviços? 
Contato online

 

Receba nossa newsletter

Registro para recebimento de Newsletter.

Mais